Nissan Versa SV 1.6

IMG_8757Depois de um longo tempo de inatividade e falta de novidade, tive a oportunidade de testar um veículo novo: o Nissan Versa SV 1.6.

Como não sou um jornalista da área automobilística, nem sempre encontro alguém disposto a me ceder um carro para avaliação, e convenhamos, um test-drive oferecido pelas lojas não é o suficiente para conhecer bem o carro.

Assim sendo, eu resolvi alugar um Nissan Versa 1.6 para melhor conhecê-lo. Uma das razões pelas quais fiz isso é meu interesse particular no carro, já que estou em vias de me desfazer do meu belo Civic LXL 2010. Em tempos de gasolina cara e recursos escassos, quanto mais econômico, melhor.

E se você, assim como eu, não acha esse carro o máximo em beleza, pode acreditar, ele é muito funcional. Tem um excelente espaço interno, inclusive no banco de trás, um excelente porta-malas, tem boa visibilidade pra frente, trás e pros lados, e sua estabilidade eu a julgo como boa. Não é um Civic na vida, mas sua carroceria não inclina tanto em curvas como um Palio. É um carro honesto.

IMG_8759Depois da última reestilização os carros da Nissan ficaram muito semelhantes entre si.

O versa por exemplo, guarda uma certa semelhança com seu irmão maior, o Nissan Sentra. Podemos observar isso principalmente com as grade dianteira e os faróis.

Conforto e conveniência

IMG_8771

A versão por mim avaliada não dispunha de muitos itens de conforto e/ou conveniência. O que ele oferecia, creio eu, não estava muito além do que qualquer outro carro  em sua faixa de preço oferece.

E por falar em preço, no site oficial da Nissan, esse modelo parte de R$ 49.490,00. Não é exatamente uma pechincha…. mas que carro no Brasil o é?

O que eu gostei

nesse carro?? Bom, primeiro do espaço interno. Nem Civic, nem Corolla oferecem um espaço interno no banco traseiro como esse carro oferece. Para vocês terem uma ideia, com o banco do motorista e passageiro totalmente recuado para trás, ainda assim um eventual passageiro de 1,80m ou até mais consegue se acomodar bem no banco traseiro sem roçar os joelhos no banco da frente. E esse eventual passageiro de 1,80m também não raspa a cabeça no teto.

IMG_8768

Vidros trapeiros com acionamento manual. Forração interna da porta traseira em plástico rígido.

O sistema de som tem boa qualidade. Ele oferece conexão USB, auxiliar, além de te possibilitar reproduzir o áudio do seu celular via bluetooth. Isso é muito cômodo.

Ele possui controle de som no volante, além de nos possibilitar atender ao telefone; mas essa funcionalidade eu não testei. Apenas reproduzi o áudio do meu celular via bluetooth. Meu Civic 2010 não oferece essa comodidade. Senti falta de mais uma tomada de 12V, pois o Versa avaliado só dispunha de uma.

Gostei da posição de dirigir e da visibilidade proporcionada. Gostei dos comandos de áudio no volante, dos engates do câmbio e de sua macies. Gostei do espaço interno, principalmente no banco de trás. Um ponto que merece destaque é a direção elétrica: muito leve em manobras e firme em velocidades mais elevadas. É uma pena o volante ter regulagem apenas em altura, faltando em profundidade.

A cabine é relativamente silenciosa, isso se você não esticar demais as marchas. Outro dia fiz um test drive em um City LX 1.5 e achei o City bem mais ruidoso do que o Versa.

No geral é um carrinho bem confortável.

O que eu não gostei?

Bom, esse carro que eu avaliei não tinha cinto de 3 pontos para os 3 ocupantes do banco de trás nem o encosto para o eventual terceiro ocupante (carros mais antigos e mais baratos oferecem – como o Peugeot 307, o encosto traseiro não rebatia, os vidros traseiros eram acionados por manivela (oi???? em 2016?) , o ajuste elétrico dos retrovisores ficavam no painel e não nas portas – o que seria mais confortável; também não gostei do fato de os botões de vidros e travas elétricos não serem iluminados, apenas o botão do vidro elétrico na porta do motorista o é. Faltou também um botão para acionar a trava elétrica na porta do passageiro. Alguém não acostumado com o carro levará um certo tempo até conseguir destravar a porta do passageiro. Isso numa situação de pânico não é nada bom.

Também não gostei da velocidade do ventilador interno. As duas primeiras velocidades parecem não fazer efeito de tão lentas; a terceira ainda não é tão forte, e a quarta velocidade achei muito barulhenta e pouco eficiente.

IMG_8774

botão de acionamento dos retrovisores

 

Não gostei também de saber que lá fora – EUA e México – esse mesmo modelo é oferecido com câmbio CVT e controle de velocidade (o popular piloto automático) e aqui nem um, nem outro. Para mim, é um desrespeito com o consumidor brasileiro. Basta vocês acessarem a página da Nissan Brasileira e a Nissan Americana para verem a discrepância entre os modelos.

 

Faltou também à unidade avaliada o acionamento one-touch para subida de todos os vidros. No carro alugado essa funcionalidade só estava disponível para descida do vidro do lado do motorista.

Desempenho/economia

IMG_8782.JPGPor se tratar de um modelo 1.6 não esperei muito dele em desempenho. Mas devo assumir que me surpreendi com esse carrinho.

Na cidade ele arranca bem nos semáforos e atinge logo a velocidade permitida nas vias. Aqui em Brasília, a maior parte das vias tem velocidade máxima permitida de 60 km/h, e nesse ponto eu aprovei o Versa. Acelerou bem, e rapidinho chegava à velocidade máxima da via.

A cabine é relativamente silenciosa, ou seja, se você dirigi-lo sem grandes exigências, será um carro silencioso, mas….. se resolver esticar algumas marchas, pode esperar o ronco do motor invadindo a cabine. Eu, particularmente, gosto.

O engate do câmbio também é bom. Não chega a se comparar como o câmbio de um VW, mas também não é como dos Fiat ou GM. Não senti dificuldade para engatar marcha alguma. Julgo-o com engates fáceis e precisos.

Ah…. e o consumo? Olha…. eu achei ele econômico. Quando o retirei da locadora ele estava abastecido com álcool. E assim ficou até o final da avaliação. E posso dizer…. mesmo com álcool esse carro é econômico.

No trânsito urbano eu consegui média de 9,0 km/l. Pode não ser excelente, mas eu não dirigi o carro da maneira mais econômica possível.  Posso dizer que fui muito exigente com o carro: ar-condicionado ligado o tempo inteiro, arrancadas fortes e esticadas de marcha. Mas apesar disso o bom Versa conseguiu um bom consumo.

A próxima etapa do teste seria testá-lo em condução rodoviária. Escolhi uma estrada secundária que liga Brasília a Cristalina: BR 251/ Go 436. A BR 251 está boa, mas a Go-436… é mais buraco do que estrada. IMG_8755.JPGPor conta disso meu Versa não obteve números muito bons de consumo, apesar de estar com o ar-condicionado desligado.  O motivo? a enorme quantidade de vezes que tive de frear o carro, engatar primeira  e retomar tudo de novo. Isso não ajuda o consumo de carro algum.

Nessa primeira parte do teste  o consumo apresentado pelo computador de bordo não foi nada animador: 10,9 km/l com álcool e apenas 4 ocupantes (sem bagagem). A culpa do alto consumo certamente foi da estrada.

Já na volta, o caminho escolhido foi  a BR 040 que é pedagiada e está em melhor estado. Nessa rodovia foi possível conseguir melhores números de consumo de combustível, mesmo com o ar-condicionado ligado. Para vocês terem uma ideia, no trajeto de volta o bom Versa chegou a marcar em seu computador de bordo 11,8 km/l com álcool. Para quem possa achar que esse número não é muito bom, quero esclarecer que esse trecho da estrada é cheio de subidas, é pista simples na maior parte do tempo – o que dificulta as ultrapassagens, e quando temos de ultrapassar geralmente temos de usar 2ª/3ª e esticar as marchas.

Apesar dos 111 cv do motor – que parecem pouco – as ultrapassagens foram tranquilas; é claro que eu tive de reduzir para segunda ou terceira em certos momentos.  Ou seja, o Versa não é aquele carro com desempenho brilhante, mas te permite fazer viagens com relativo conforto. O erro apresentado pelo velocímetro em relação ao GPS não é grande  (menor por exemplo do que o apresentado pelo Fiesta que avaliei há alguns anos); observei no máximo 5 km/h de diferença.

As relações de marcha adotadas pelo carro não são as mais longas: a 11o km/h o conta-giros já está na casa dos 3 mil RPM.  Eu particularmente gostaria que esse carro tivesse uma sexta marcha do tipo overdrive, que me ofereceria menor rotação em velocidades de cruzeiro, dando-me consequentemente menor consumo de combustível em trajetos rodoviários.

Acabamento

O acabamento no Versa SV não é nada excepcional. As quatro portas tem forração de plástico rígido; o piso do porta-malas em contrapartida tem uma forração em carpete mais rígida; mas a tampa do porta-malas, expõe toda a chapa, fiação e cabos usados para abrir a tampa. Sinceramente, não entendo o porquê de tão pouca economia!

No geral o Versa SV é semelhante a outros modelos em se tratando de acabamento. Pelo menos não observei nenhuma rebarba de plástico no painel.

Um ponto que gostei foi o painel de instrumentos. Ele tem uma iluminação permanente em branco, e quando você liga os faróis ele diminui a intensidade ligeiramente.

O Versa SL possui um acabamento melhor. E tem uma versão que oferece bancos em couro, o que deixa o interior mais bonito e agradável.

Considerações gerais

IMG_8775A unidade avaliada é  a versão intermediária. O Versa oferece as versões S, SV e SL. Sendo a S a mais básica e a SL a mais completa. A motorização oferecida consiste da 1.0 com 3 cilindros e a 1.6 16V. As versões SV e SL oferecem o motor 1.6.

No SL, por exemplo, você encontrará um bom sistema multimídia, com tela touch-screen, câmera de ré, além de bancos em couro, painel das portas com melhor acabamento e ar-condicionado digital.

Se você precisa de um carro para deslocamento urbano exclusivamente, a versão com motor 1.0 que oferece potência próxima de 80 cv pode te atender. Mas o Versa não é um carro leve. De acordo com o manual do proprietário, a versão SV pesa em torno de 1.400 kg. Se você pretende pegar estrada, não tenha dúvida, fique com a versão 1.6.

IMG_8766No geral o Nissan Versa é um bom carro: confortável, espaçoso, econômico e com um bom espaço em seu porta-malas. Nele 4 adultos grandes viajarão com conforto.

E se você não quer se dar ao luxo de pagar 48 mil num carro desses, pode optar por um modelo seminovo. É possível achar um modelo 2013/2014, SL, por aproximadamente 32 a 35 mil reais.  Se você não liga para o “status” de rodar em um carro zero km, e quer um carro honesto eu te recomendo um Versa 1.6 usado.

Na minha opinião, o Versa é uma boa alternativa a modelos similares como o Gran Siena, GM Cobalt, Renault Logan e VW Voyage. O GM Cobalt sofreu uma reestilização que o deixou muito bonito, mas a GM está cobrando um preço muito alto por ele. Pasmem, a GM o está chamando de sedan “Premium” e cobrando até 70 mil reais pela versão mais equipada.  Simplesmente sem noção.

Como eu disse anteriormente, o Nissan Versa pode não ser um referencial em beleza automotiva. Certamente há outros modelos bem mais bonitos, mas eu duvido que algum outro modelo do mercado ofereça tanto espaço interno quanto o Versa oferece. E antes que você possa se perguntar,…. não, eu não estou recebendo dinheiro da Nissan para escrever isso. Quem me dera estivesse.

Para finalizar, é o seguinte…. se você precisa de um sedã compacto com bom porta-malas e excelente espaço interno, motor competente e confiável, 3 anos de garantia e econômico ainda por cima, e se você não liga para beleza – até porque beleza é relativa, eu te recomendo dar uma olhada no Nissan Versa. Certamente será uma boa aquisição.

Anúncios

Sobre lcnoliveira

Um motorista comum mas muito interessado no universo automotivo.
Esse post foi publicado em automóveis e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s